Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss  |  tw

Anunciar no Guia

Profissionais de marketing e comunicação dizem conhecer ferramentas de marketing digital, mas pesquisa revela pouca aderência

| Blog do Guia | julho 17, 2017

 

Profissionais de marketing de todo o Brasil participaram de uma pesquisa sobre as Estratégias de Marketing Digital mais utilizadas pelo mercado. O estudo inédito foi realizado pelo Digitalks, em parceria com o Opinion Box, e apresentado durante o Fórum de Marketing Digital, no Rio de Janeiro, no dia 6 de julho.

Foram entrevistados 399 profissionais da área, entre os dias 28 de março e 11 de abril. A margem de erro da pesquisa é de 4,9 pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%.

A pesquisa procurou entender como os profissionais de marketing estão adotando diferentes estratégias de marketing digital no seu trabalho. Foi apurado que os profissionais conhecem importantes ferramentas de marketing, como blog (100% do público), e-mail marketing (100%), vídeos online (99%), e-books (98%), social media ads (95%), SEO (94%), webinar (93%), funil de vendas (89%), automação de marketing (88%), mídia programática (86%), real time marketing/lives (82%) e growth hacking (58%). Porém, os números são menos expressivos se relacionados a quem já utilizou ou as utiliza atualmente. 90% adota e-mail marketing para suas campanhas, 87% os blogs, 84% os vídeos online, 77% social media ads, 71% para SEO, 70% e-books e 65% o funil de vendas.

“Dois pontos chamam a atenção nesses números. O primeiro é que, apesar do alto grau de conhecimento das ferramentas/estratégias, a experiência com as mesmas é bem abaixo em vários dos itens. O segundo se trata do maior desconhecimento, comparativamente, da estratégia de growth hacking, termo que tem estado frequentemente na pauta de diversos conteúdos online e nos principais eventos do país nos últimos anos”, esclarece Felipe Schepers, COO do Opinion Box.

A pesquisa também apurou que outras ferramentas também são utilizadas, mas com baixa experiência, como webinar (55%), mídia programática (55%), automação de marketing (53%), real time marketing (43%) e growth hacking (24%).

O estudo também estruturou um ranking considerando quais estratégias e ferramentas os profissionais acreditam que tem maior efetividade hoje. Esta ranking traz social media ads em primeiro lugar, com 22%, seguido do e-mail marketing, com 15%, e SEO com 13%, sendo que a efetividade está relacionada a uma série de fatores, como retorno, resultados, leads, público, etc.

Com relação às tendências para 2018, os vídeos online aparecem em 1º lugar no ranking, sendo que atualmente figuram em 4º. Real time marketing, que hoje está em 11º lugar, pulou para a 2º posição, seguida pela mídia programática, que está em 6º no momento.

“É curioso perceber que o vídeo vem sendo colocado como principal tendência em planejamentos de marketing e comunicação já faz alguns anos, mas que ele tem sido menos usado do que se pensava. 2016 foi considerado o ano dos vídeos e 2017, das LIVEs. Só que, na prática, percebemos que a utilização dos mesmos pelos profissionais brasileiros não tem sido tão intensa  assim nas estratégias quanto imaginávamos, apesar de estar ganhando mais espaço. E apenas com os dados percebemos isso”, comenta Gabriela Manzini, Head de Conteúdo do Digitalks.

Vale reforçar que a pesquisa é nacional, bem como a amostra para sua realização. Portanto, em termos de Brasil, vídeos e live content continuam sendo tendências em comunicação e marketing para 2018, destaca Gabriela.

Flavio Horta, CEO do Digitalks, afirma que as informações são fundamentais para as agências conhecerem e adotarem estratégias diferenciadas, de acordo com o perfil do cliente e suas necessidades. “Conhecer as tendências do mercado é fundamental para o planejamento e a escolha da melhor ferramenta a ser utilizada para trazer mais e melhores resultados”, esclarece.

 

Fonte:  Ecommercenews

  

111 visualizações, 1 hoje

  

Links Patrocinados

Deixe seu Comentário

Publicidade Online